16º Salão da Vila – Exposição “O Patrão Lopes”

2 de Julho de 1875 – Eram cinquenta e três os navios socorridos pelo Patrão Joaquim Lopes, nos dezassete anos iniciados em 1 de Julho de 1858. «Daquela época para trás não se lembra ele de quantos havia socorrido, porque não tomava nota disso.

Perguntando-lhe nós, que número de pessoas salvou das ondas, respondeu-nos:
- Até trezentas contei, mas depois não fiz mais caso de seguir na contagem!...»

Assim era o homem simples, modesto e corajoso, o Patrão Lopes, como ficou conhecido na terra que o acolheu ainda jovem por volta do ano de 1817, vindo de Olhão.

Paço de Arcos foi pois o local onde o Patrão Lopes exerceu o seu mister de salvar vidas nas águas agitadas e perigosas da barra do Tejo, desde o ano de 1858 até praticamente à sua morte, em Dezembro de 1890, pois já com idade avançada ainda saía em dias de tempestade e de naufrágios para salvar vidas.

É pois a vida deste bravo homem e as suas estórias, que serão homenageadas numa exposição largamente documentada, o “16º Salão da Vila – O Patrão Lopes”, organizada pela Paço de Artes-Associação dos Artistas Plásticos de Paço de Arcos, integrada no programa das Festas em Honra do Senhor Jesus dos Navegantes, que vão decorrer de 23 de Agosto a 1 de Setembro de 2019, na vila de Paço de Arcos, no seu jardim municipal.

A exposição estará patente ao público no Salão Nobre do Clube Desportivo de Paço de Arcos, junto ao recinto da feira, todos os dias das 20,30h às 23,00h, e aos fins-de-semana também das 16,00h às 19,00h.

A inauguração será no dia 24 de Agosto de 2019, pelas 17,00h, deixando desde já aqui o convite para a presença de todos aqueles que queiram juntar-se a esta homenagem

Homepage
Back to Top