Oeiras avança com testes gratuitos à população

O Município de Oeiras vai intensificar a realização de rastreios, com um programa de testagem rápida e gratuita à população que terá início no dia 5 de abril. Os testes serão realizados em farmácias do concelho e numa Unidade Móvel itinerante. O Objetivo é detetar precocemente os casos de infeção, permitindo, assim, um maior controlo da pandemia COVID-19.

Cada munícipe poderá fazer dois testes por mês (de 14 em 14 dias), bastando dirigir-se a uma das Farmácias Aderentes ou à Unidade Móvel que será colocada em locais estratégicos do concelho.

Numa primeira fase, e no que se refere às farmácias, prevê-se a aplicação de 50.000 testes, sujeita a avaliação. No que concerne à Unidade Móvel, prevê-se em dois meses aplicar 10.000 testes. Trata-se de um investimento municipal de cerca de 850.000,00€.

Esta testagem massiva à população conta com a anuência da Autoridade de Saúde Pública Local e a devida articulação com o Agrupamento de Centros de Saúde Lisboa Ocidental e Oeiras (ACES LOO) e é realizada através de parceria com as farmácias do concelho.
A aplicação dos testes pressupõe a apresentação de comprovativo de morada;

Não é possível a aplicação de testes a cidadãos que testaram positivo nos últimos 90 dias;

Cada munícipe só pode efetuar o teste de 14 em 14 dias.
Recorde-se que no âmbito da execução do Plano Municipal de Apoio à População em Situação de Vulnerabilidade – COVID19, têm sido implementadas diversas medidas pela Câmara Municipal de Oeiras que têm permitido o apoio direto aos munícipes e às entidades locais, no desenvolvimento das suas respostas e garante da sua sustentabilidade, assim como o apoio ao Serviço Nacional de Saúde e aos profissionais de primeira linha.

Uma destas medidas é a testagem preventiva dos profissionais de primeira linha que teve o seu início a 2 de junho de 2020 e tem incidido nos colaboradores das Escolas, Uniões e Juntas de Freguesia, Associação de Bombeiros de Oeiras, agentes e colaboradores da Polícia Municipal, funcionários da CMO e colaboradores de Estruturas Residenciais para Pessoas Idosas (rede solidária e lucrativa), dos equipamentos de infância da rede solidária e de equipamentos de apoio à pessoa com deficiência. Foram testados, até ao dia 22 de março, 7.591 profissionais.

Homepage
Back to Top